• Segunda a Sexta: 8:30 às 18:45, Sábados: 8:30 às 12:00

SHAMPOO DE CETOCONAZOL

R$39,90

Contém: 140ml – Tratamento Shampoo anti caspa, para tratar dermatite seborreica e ptiriase versicolor.


Simular Frete

SHAMPOO DE CETOCONAZOL

O Shampoo de  Cetoconazol é um shampoo anticaspa com ação antifúngica, aplicado no tratamento de dermatites e pitiríase versicolor.

Ação-Composição:

As casquinhas brancas que surgem na cabeça podem ser caspa, pitiríase ou dermatite seborreica. Além de causar uma aparência desagradável, podem também causar queda nos cabelos. O shampoo de cetoconazol tem ação antifúngica sendo muito eficaz para esses casos.

O Cetoconazol é empregado como agente antifúngico, e possui um amplo espectro de atividade contra vários fungos. Sua forma em shampoo promove o alívio da coçeira e descamação normalmente associados à dermatite seborréica, caspa e pitiríase versicolor, pois é indicado no tratamento e prevenção de infecções como estas.

Resultados:

  • Cabelos livres de caspa;
  • Prevenção da queda dos fios;
  • Eliminação das casquinhas brancas;
  • Controle de Oleosidade.

Validade:

6 meses

ESTE PRODUTO É MANIPULADO PODENDO HAVER ALTERAÇÃO DE FÓRMULA E VALOR CONFORME NECESSIDADE INDIVIDUAL DO PACIENTE/CLIENTE OU INDICAÇÃO DO PRESCRITOR.

O FARMACÊUTICO PODE SER O PRESCRITOR CONFORME  RDC 585/586 de 29/08/2013.

Referências:

Fernández-Montes, E.A. Manual de Formulación Magistral Dermatológica. 1a ed. Madrid: E. Alía, 1998.

Floratus Farmácia de Manipulação e Homeopatia Ltda – Caxias do Sul – RS.

Modo de Usar:

Para caspa e dermatite seborréica, aplicar o shampoo, deixando agir durante 03 a 05 minutos antes de enxaguar, 2 vezes por semana por 2 a 4 semanas ou conforme orientação do profissional habilitado. Para a prevenção de recidivas, usar o shampoo 1 vez por semana ou 1 vez a cada 2 semanas.

Para caspa pode ser utilizado juntamente com o Shampoo Anti Caspa Floratus em dias alternados.

Advertências

  1. A(s) imagen(s) que indica(m) o(s) produto(s) é (são) meramente ilustrativa(s), sem nenhuma alusão técnica e/ou científica;
  2. De acordo com as normas da Anvisa, todo produto deve ser manipulado de acordo com o pedido do comprador, portanto será manipulado após o recebimento e aprovação do farmacêutico;
  3. As indicações postas tratam-se de descrição do produto e não propaganda. Somos uma Farmácia de manipulação. Portanto, os produtos naturais anunciados neste site serão produzidos sob encomenda;
  4. Não faça uso de medicamentos ou produtos sem orientação de um profissional médico ou farmacêutico;
  5. Se persistirem os sintomas, o medico ou farmacêutico deverá ser consultado;
  6. Evite a automedicação. O medicamento mesmo livre de obrigação de prescrição médica merece cuidado.
  7. Os medicamentos sob prescrição só serão dispensados mediante apresentação de prescrição de profissional habilitado ou cópia digital;
  8. Mantenha todo e qualquer medicamento ou produtos para adultos longe do alcance de crianças;
  9. Pessoas com hipersensibilidade às substâncias contidas na formulação não devem ingerir o produto;
  10. Em caso de hipersensibilidade, recomenda- se interromper o uso e consultar o médico.
  11. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
    “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”.
  12. Por necessidades técnicas muitas vezes existe a necessidade de fracionar o medicamento em duas ou mais cápsulas, uma vez que o volume total não pode ser acondicionado em apenas uma cápsula. Neste caso uma dose equivale a duas ou mais cápsulas dependendo da necessidade de fracionamento. Caso a dobra seja necessária, constará no rótulo do medicamento etiqueta informativa.
  13.  De Acordo com a RDC 44 de 17 de agosto de 2009:
    “É permitida às farmácias e drogarias a entrega de medicamentos por via postal desde que atendidas as condições sanitárias que assegurem a integridade e a qualidade dos produtos, conforme legislação vigente”.
    “O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário o direito à informação e orientação quanto ao uso de medicamentos solicitados por meio remoto”.

 

“Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 586/2013 do Conselho de Farmácia. Consulte-o!”

Topo
Iniciar conversa